Archive for dezembro \27\UTC 2007

5 previsões para os próximos 5 anos da IBM

27 dezembro, 2007

Duas vezes por ano, a IBM lança uma lista de 5 previsões para os próximos 5 anos. A lista deste final de ano está aqui e segue um resumo rápido:

  1. Será mais fácil ser ecologicamente correto e economizar dinheiro ao mesmo tempo: Eletrodomésticos conectados poderão ser controlados remotamente, além de alertar ou informar sobre o próprio consumo aos donos.
  2. A maneira que você dirige será totalmente diferente: A conectividade entre carros e estrada será uma realidade: evitando congestionamento, acidentes e reduzindo até a poluição.
  3. Você é o que você come, então você saberá o que você come: Informações detalhadas sobre todos os alimentos que compramos e consumimos estarão disponíveis, através de uma rede de comunicadores, sensores e rastreadores.
  4. Seu celular será sua carteira, seu guia turístico, seu banco, seu conselheiro de compras e mais: O celular irão concentrar todos os tipos de aplicativos que irão ajudar em diversas tarefas diárias e aumentar a interatividade entre as pessoas.
  5. Médicos farão melhores diagnósticos: A tecnologia vai permitir que os médicos sejam cada vez mais precisos nos diagnósticos dos pacientes, detectando detalhes antes imperceptíveis.

Talvez a lista acima possa ser aplicadas a países desenvolvidos, mas no Brasil é difícil imaginar tudo isso em 5 anos. Quem sabe 20? De qualquer forma, o futuro parece bem promissor!

Vi na Slashdot.

Anúncios

Luz no fim do túnel?

20 dezembro, 2007

Pelo menos alguém lá na RBS tem alguma noção do que está acontecendo com Florianópolis. Praticamente todo dia o Cacau Menezes escreve na sua coluna uma nota de indignação.

 No meu último post falei da situação das pontes. Na coluna de hoje, o Cacau citou o Campeche, reproduzo o texto na íntegra:

Desumano

Caos nas estradas. Só para citar um exemplo: ontem (19), por volta das 9h, amigo da coluna levou uma hora e 30 minutos para percorrer, de carro, o trajeto de 18 quilômetros entre o Campeche e o Centro, quando, normalmente, não demora mais do que 20 minutos.

Não há, sequer, policiamento nas esquinas de maior movimento, e como também não há educação, são raros os motoristas que dão a vez à via preferencial aos carros que procedem das vias secundárias. Fui gravar matéria no Campeche. Um horror. Vai ser difícil voltar.


E não é só nestes dois pontos, é na ilha e no continente, todo o canto. Ainda bem que eu vou passar o réveillon no interior do Estado. Esta ilha promete afundar!

Hipocrisia jornalística

14 dezembro, 2007

Moro em Florianópolis, a capital Catarinense. (Quem conhece a cidade, pode pular este primeiro parágrafo). A cidade fica na sua maior parte numa ilha, separada do continente (na área mais estreita) por uma faixa de 1 km de oceano.

Nos últimos 10 anos, tivemos um crescimento populacional de 60%! Neste mesmo período, o número de pontes construídas para fazer a travessia ilha-continente foi zero. A última ficou pronta em 1991. Também não foi reativada nenhuma ponte antiga (a ponte Hercílio Luz, que só serve de cartão postal, foi desativada em 22 de Janeiro de 1982, antes de eu nascer!). E nenhum outro modo de transporte foi adotado.

As duas pontes existentes, com 4 pistas cada uma e extensão de cerca de 1,5 km, registram o maior tráfego diário de veículos em pontes sobre o mar do Brasil. A cada dia que passa o fluxo torna-se mais e mais intenso e as pontes funcionam como um funil.

Para quem chega nas pontes, do lado do continente, temos pistas que vêm de Coqueiros, do Estreito e da Via Expressa (BR-282). Do lado da ilha, desembocam na ponte pistas da Avenida Beiramar Norte, do Centro da cidade e da Beiramar Sul.

Em um horário de trânsito livre (3 ou 4 horas da manhã), é possível atravessar da ilha para o continente ou no sentido contrário em menos de 15 minutos. Em horários caóticos como 8 horas da manhã (no sentido continente-ilha) ou 6h da tarde (no sentido ilha-continente) o deslocamento pode durar 1 hora ou mais!

As autoridades não têm nenhuma obra em execução para minimizar o problema. Será que elas só trafegam de helicópteros e jatinhos particulares?

E (agora sim, o que me fez escrever esse post) a nossa “querida” RBS (filial da Globo) parece ser totalmente complacente com o problema. Todo dia, eles mostram imagens da ponte e agora também da Beiramar Norte. Só que esses são os trechos em que o funil gerado por todo o sistema viário desanda. Hoje (como todos os dias) o repórter teve a cara de pau de dizer: “este é o trânsito na cabeceira das pontes, o fluxo está bom, com focos de engarrafamento”.

Focos! Focos?!? Por que eles não mostram onde realmente tudo fica parado? Onde a gente realmente pára o carro?

A RBS faz ótimas campanhas como a “Use a Cabeça, Dirija pela Vida” (sobre paz no trânsito), a campanha de duplicação da BR-101 Sul e a “O Amor é a Melhor Herança. Cuida Crianças” (contra a violência infantil). Por que ela parece fechar os olhos para os problemas de tráfego urbano da Capital?

Leitura digital

12 dezembro, 2007

Sem tempo pra ler? O site leituradiaria.com resolve seus problemas. Ele conta com um acerco de quase 200 livros.

Sem nenhum cadastro, você pode requisitar o envio diário para você de um trecho de uma obra escolhida. Você escolhe os dias da semana, a quantidade de texto, o horário e o formato (e-mail, RSS ou Wap).

Gostei da idéia, já comecei a testar!

Alimentos que emagrecem

11 dezembro, 2007

Vi na Lifehacker hoje este post sobre “alimentos de caloria negativa” (do inglês negative calorie food). Supostamente, este tipo de alimento faz com que nosso corpo gaste uma quantidade maior de calorias para digerí-lo do que o próprio alimento possui.

Aqui vou deixar uma lista de alguns desse alimentos. Mas, antes, atenção: se você fizer uma dieta SOMENTE com esses alimentos, você está fazendo mal para a sua saúde.

Agora sim, a lista (roubada daqui):

  • Salsão (o “bambambam” da lista) – pode-se comer as folhas, o caule e a raiz
  • Aspargo
  • Beterraba
  • Brócolis
  • Repolho
  • Cenoura
  • Couve-flor
  • Pimenta
  • Pepino
  • Repolho
  • Dente-de-leão
  • Escarola
  • Agrião
  • Alho
  • Vagem
  • Abobrinha
  • Maçã
  • Toranja
  • Lima
  • Manga
  • Laranja
  • Abacaxi
  • Morango
  • Tangerina
  • Alface
  • Cebola
  • Mamão
  • Rabanate
  • Espinafre
  • Nabo
  • Cranberry, Raspberry e Corn Salad (cultivados apenas no hemisfério Norte)

A lista não é das mais deliciosas, mas todas são ótimas opções para preencher qualquer dieta alimentar.

Quer saber mais? Coma e Emagreça de Victor H. Lindlahr