Luz no fim do túnel?

Pelo menos alguém lá na RBS tem alguma noção do que está acontecendo com Florianópolis. Praticamente todo dia o Cacau Menezes escreve na sua coluna uma nota de indignação.

 No meu último post falei da situação das pontes. Na coluna de hoje, o Cacau citou o Campeche, reproduzo o texto na íntegra:

Desumano

Caos nas estradas. Só para citar um exemplo: ontem (19), por volta das 9h, amigo da coluna levou uma hora e 30 minutos para percorrer, de carro, o trajeto de 18 quilômetros entre o Campeche e o Centro, quando, normalmente, não demora mais do que 20 minutos.

Não há, sequer, policiamento nas esquinas de maior movimento, e como também não há educação, são raros os motoristas que dão a vez à via preferencial aos carros que procedem das vias secundárias. Fui gravar matéria no Campeche. Um horror. Vai ser difícil voltar.


E não é só nestes dois pontos, é na ilha e no continente, todo o canto. Ainda bem que eu vou passar o réveillon no interior do Estado. Esta ilha promete afundar!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: