Cubo de gelo em forma de guitarra

10 fevereiro, 2009

Jogue fora suas velhas e antiquadas formas de gelo (calma, não jogue ainda, isto é apenas o suposto comercial do produto). Pois agora chegou o sensacional Cool Jazz! Com ele você faz a sua festa ficar ainda mais transada (sic) com cubos de gelo em formato de guitarra!

Cada forma flexível faz três guitarras e duas notas musicais. Podem ser compradas por US$ 7.95 neste site. (Frete pro Brasil custa no mínimo US$ 24!)

A forma acima e como fica no copo abaixo.

PS: Eu não ganhei um tostão por este post.

Achei sem querer no Google Products.

Anúncios

Mitos populares destruídos

10 fevereiro, 2009

Dois artigos publicados pela British Medical Journal desvendam várias lendas urbanas ligadas à saúde. Veja alguns mitos que eles desvendaram:

  • Açúcar não causa hiperatividade em crianças;
  • Não perdemos excesso de calor pela cabeça (droga, eu sempre usei touca por causa disso);
  • Comer a noite não engorda (ingerir mais calorias do que gastar sim);
  • Não existe cura para ressaca;
  • Raspar/barbear não faz cabelo crescer mais rápido, escuro ou grosso;
  • Ler com pouca luz não prejudica a visão (a vovó vai pirar quando ouvir essa);
  • Você não precisa beber 8 copos de água por dia.

Outros mitos e mais detalhes de cada um deles estão nos links abaixo (em inglês):

Parte 1 | Parte 2

Vi na Lifehacker.

Curiosidades sobre “Marley e Eu”

16 janeiro, 2009

Quarta-feira assisti no cinema o filme “Marley e Eu”. O filme conta a história real do cachorro Marley e a família em que viveu.

Gostei do filme e reuni algumas curiosidades do imdb e da wikipedia. Vale principalmente para quem já viu o filme:

  • O filme se baseou no bestseller do The New York Times publicado em 2005.
  • O nome original do livro era “Marley e Eu: Vida e Amor com o Pior Cão do Mundo”.
  • Marley, um Labrador Retriver, viveu 13 anos.
  • O Marley real fez uma única atuação num filme, em 1998, chamado The Last Home Run. Foram apenas 2 minutos e nos crédito aparece “Marley, o cachorro … como ele mesmo”.
  • No filme foram usados 22 cachorros diferentes para interpretar Marley.
  • Os pais verdadeiros de Owen Wilson (ator principal) atuaram como pais do personagem John Grogan. A maior dificuldade da mãe dele era não chamar ele de Owen.
  • As gravações nas redações dos jornais “Sun-Sentinel” e “Philadelphia Inquirer” foram realmente feitas no local.
  • O verdadeiro John Grogan (autor do livro que deu origem ao filme) aparece no filme, na cena de treinamento dos cachorros como dono de um Cocker Spaniel. Esta é uma foto de John na premier do filme:

Eu vou: Campus Party 2009

12 janeiro, 2009
Dia 20 de Janeiro estarei me juntando a outros 4000 nerds no “maior evento de inovação tecnológica e entretenimento eletrônico em rede do mundo”!
O evento ocorre em São Paulo e ainda restam algumas vagas. O link está na imagem à esquerda.
Até lá!

Até que enfim

6 janeiro, 2009

40 dias e uma nota na coluna do Cacau foi o que precisou pra prefeitura mobilizar a arrumação do desmoramento de um muro (e quase de uma casa) na rua Madalena Barbi, transversal a rua em que moro. Os homens trabalham neste momento, esta é uma foto que tirei uma hora atrás:

Muro caido Rua Madalena Barbi

Target Advertisement Fail

28 dezembro, 2008

Isso é o que eu chamo de Target Advertisement Fail

(Este foi o banheiro eu entrei numa festa sábado)

Banheiro masculino

(Esta era a propaganda dentro dele…)

Target Advertisement Fail

Racismo embutido

19 novembro, 2008

Tem coisa mais racista do que dizer “este objeto cor de pele“? Pô, cor da pele de quem!? Aposto que foi um branco racista que inventou essa expressão.

Tá certo que homem que é homem não conhece mais que quatro ou cinco tipos de cores. Mas se algo é branco, preto ou beje não precisa inventar novos nomes para elas.

A sobremesa é o orgasmo da refeição

5 novembro, 2008

Assim como o sexo, a alimentação é um dos grandes prazeres do homem. Porém, interrompemos o ato sexual (principalmente os homens) quando atingimos o ponto mais alto da prática sexual. Ela se acaba. E fica aquele “gostinho de quero mais” (quando foi bom, claro).

Quando estamos nos alimentando a coisa é diferente. O prazer que vem a cada garfada parece não ter fim. Os tarados gastronômicos, como eu, sofrem com isso. Mas este prazer também acaba, embora de forma nada graciosa como no orgasmo. Acaba quando estamos “cheios”, “satisfeitos” ou “embuchados” mesmo! 🙂

Os problemas enfrentados são vários e conhecidos. Dores abdominais, desconforto, obesidade e até diabete a longo prazo!

Se fizermos um paralelo entre o sexo e a refeição, talvez poderíamos concluir que o mais próximo de um orgasmo seria a sobremesa. Sempre no final da refeição, a sobremesa é a parte mais doce, a mais gostosa, a mais esperada depois de todo aquele “trabalho” de cortar, levar a boca e mastigar a comida. Uma boa sobremesa é sempre curtida na boca. É nessa hora que a gente “relaxa e goza”.

Felizmente, podemos exagerar no sexo (seguro) sem problemas. Pois como dizia a piada: “O excesso de sexo causa perda de memória… e outras coisas que não me lembro!” 😀

O pior jogo do mundo

23 julho, 2008
Apesar do Angry Video Game Nerd* achar que ele testa os piores jogos do mundo, acredito que ele nunca jogou o PIOR JOGO DO MUNDO. A página da Wikipedia que descreve o jogo, Big Rigs: Over the Road Racing, é simplesmente de chorar de rir.

Aqui vai uma tradução livre de parte do texto:

Big Rigs: Over the Road Racing é um jogo de corrida lançado para PC pela Stellar Stonne LCC em 2003. Devido a uma séria falta de funcionalidades no lançamento, o título recebeu análises negativas no mundo todo, com muitas críticas referindo-o com o pior jogo de todos os tempos.

Jogabilidade

A caixa do jogo Big Rigs afirma que o jogador pode “correr através do país, com policiais a sua perseguição”. Alex Navarro da GameSpot disse que essa descrição do jogo não é nada mais que “horríveis, mentiras horríveis”, já que não há policiais no jogo. E mais, ele diz que, os veículos oponentes controlados pelo computador têm nenhuma IA (Inteligência Artificial) e nunca saem da linha de largada, fazendo a descrição do jogo como “corrida” questionável.

Não existe praticamente nenhum obstáculo para o jogar se preocupar em Big Rigs, já que o caminhão pode livremente dirigir para fora e para dentro das estradas sem qualquer perda de tração, subir e descer elevações de 90º sem ganhar ou perder velocidade, através de estruturas como prédios ou árvores, simplesmente caindo de pontes, e até fora dos limites do mapa em um verde vazio sem fim. Quando o veículo do jogador engata a ré, a velocidade aumenta infinitamente, mas o caminhão pára imediatamente quando a tecla de aceleração é solta.

Apesar do jogo apresentar cinco pistas para escolher, apenas quatro realmente funcionam. Uma quinta, intitulada “Nightride”, não funciona e apenas selecioná-la faz o jogo fechar.

Quando se completa a corrida, o jogador é presenteado com uma representação digital de um troféu e o texto “VOCÊ É UM VENCEDOR” (sic). O jogo freqüentemente falha em distingüir entre quando o jogodar está começando ou terminando a corrida quando ele passa pela linha de chegada, isto é, a tela de felicitações aparece segundos depois do jogo começar, fazendo que o jogo termine assim que começa.

Stellar Stone lançou um patch para “arrumar” algumas das falhas do jogo. Com o patch, o oponente participa da corrida, mas pára antes de chegar na linha de chegada. O quinto mapa que faz o jogo falhar quando selecionado foi também corrigido. Entretanto, o patch substituiu a pista quebrada por uma exata imagem espelhada da primeira pista. Vários dos problemas ainda persistem com o patch.”

Hehe, o texto continua com alguns comentários e críticas recebidas pelo Big Rigs como essa:

“Tão ruim quanto a sua mente consegue compreender” – Alan Navarro da GameSpot.

Acho que essa é minha página do Wikipédia favorita.


* O Angry Video Game Nerd é um sujeito que faz análises dos piores jogos de console já lançados pela humanidade na forma de vídeos disponibilidados na sua página. Muitos dos vídeos garantem boas risadas.

O mundo está do avesso

2 julho, 2008

Descobri hoje que meu post intitulado Alimentos que Emagrecem ultrapassou o número de acessos do Gorda Pelada!, este último escrito 2 meses antes, e virou o novo “carro-chefe” (em termos de acesso) deste humilde blog.

Sabe o que isso significa? Significa que, hoje, um número muito maior de pessoas acessa a internet a procura de saúde ao invés de pornografia. Repito, então, o título deste post: O mundo está do avesso!

Logo em seguida lembrei-me de um e-mail que recebi recentemente. Veja a besteira que circula, influenciado por essa nova febre (saúde) que agora assola a internet:
(Caso já tenha lido pode pular para o final do post.)

Dieta do Engenheiro …… Dieta fantástica

Pelas leis da termodinâmica, todos nós sabemos que uma Caloria é a energia necessária para aquecer 1g de água de 21,5° a 22,5°C.

Não é necessário ser nenhum gênio para calcular que, se o ser humano beber um copo de água gelada (200ml ou 200g), aproximadamente a 0°C, necessita de 200 calorias para aquecer em cada 1°C esta água.

Para haver o equilíbrio térmico com a temperatura corporal, são necessárias então aproximadamente 7.400 calorias para que estes 200g de água alcancem os 37° C da temperatura corporal (200 g X 37°C).

E, para manter esta Temperatura, o corpo usa a única fonte de energia disponível: a Gordura corporal.

Ou seja, ele precisa queimar gorduras para manter a Temperatura corporal estável.

A termodinâmica não nos deixa mentir sobre esta dedução.

Assim, se uma pessoa beber um copo grande (aproximadamente 400 ml, na temperatura de 0°C) de cerveja, ela perde aproximadamente 14.800 calorias (400g x 37°C).

Agora, não vamos esquecer de descontar as calorias da cerveja, aproximadamente 800 calorias para 400g.

Passando a régua, tem-se que uma pessoa perde aproximadamente 14.000 calorias com a ingestão de um copo de cerveja gelado.

Obviamente quanto mais gelada for a cerveja maior será a perda destas calorias.

Como deve estar claro a todos, isto é muito mais efetivo do que, por exemplo, andar de bicicleta ou correr, nos quais são queimadas apenas 1.000 calorias por hora.

Amigos, emagrecer é muito simples, basta beber cerveja bem gelada, em grandes quantidades e deixarmos a termodinâmica cuidar do resto.

Saúde a todos ! ! !

Já pro boteco . . . malhar ! ! !

CONTRA DADOS NÃO HÁ ARGUMENTOS ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! !

Bom, esse texto é engraçado por no máximo uns 2 segundos. Até que você se lembra que ao olhar qualquer embalagem de alimento você se depara com a quantidade de calorias contida no produto seguida pela medida kcal. E o “k” significa 1.000 (mil). (Se você não tinha percebido até aqui, tudo bem. Provavelmente todas as pessoas que repassam este e-mail há anos também não pararam para analisar este fato.)

Refazendo a conta:

Resultado: Você fica com quase toda a caloria que vem do seu chope “estupidamente” gelado. Queria o quê? Álcool tem tanta energia que pega fogo!